sábado, 9 de junho de 2012

A mulher Cananeia. ፨ Perseverança ፨


Conhecida também por Siro-fenícia. A bíblia não fala seu nome, mas temos tanto que aprender dela.

Os cananeus eram um povo inimigo dos judeus, eles tinham outra crença e outros costumes. Ela com certeza tinha escutado acerca dos milagres de Jesus e saiu ao seu encontro. Sua filha estava mal e precisava urgente uma solução. Ela tinha muitas barreiras que a impediam de chegar até Ele, mas sua fé e coragem foi mais forte que qualquer preconceito.

Jesus no começo não fez caso, mas ela insistiu e ouviu esta resposta: “não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos”. Com estas palavras era para ela deixar seus sentimentos virem a flor da pele, dar meia volta e ir embora, desistir sempre é o caminho mais fácil. Mas com sua perseverança e consciente de que realmente não era merecedora, ela sabia que só Ele tinha a solução e humildemente respondeu: “Sim Senhor, porem os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos.” O Senhor Jesus ficou admirado com tamanha fé e teve que abençoá-la, não poderia ser de outro jeito.
Nos as mulheres, normalmente somos muito sentimentais, podemos estar cheias de fé, ser perseverantes, mas de repente deixar nossas emoções florescerem e em segundos tudo vai por água abaixo. Uma palavra rude, uma repreensão, uma falta de atenção, já são motivos para nos entristecer e ficarmos arrasadas. Não podemos permitir que por causa de sentimentalismos, nossa fé seja aniquilada.

Quantas pessoas já abandonaram a fé por coisas tão mesquinhas, porque alguém não deu bom-dia, ou virou a cara ou não respondeu e por isso deixou de alcançar o milagre. Imaginem se a mulher cananeia tivesse ido embora zangada com o “não” que Jesus lhe deu, sua filha jamais seria curada.

Viver pela fe é estar imune a todas essas coisinhas que querem nos atrapalhar de conquistar nossas bênçãos e desviar nossa atenção. Fique atenta, seja uma mulher de ferro e não de cristal.


Fonte: Tânia Rubim